11 Maio 2020

Reestruturação financeira: como planejar as finanças em situações adversas

reestruturacao-financeira

A vida de um empresário nem sempre é fácil, é preciso estar pronto para os diversos desafios ao longo de sua trajetória, como o momento de fazer uma reestruturação financeira.

Desse modo, a fim de solucionar problemas como dificuldades em honrar os pagamentos com fornecedores e funcionários, bem como em atrair novos clientes poder ser resolvido por meio de uma reestruturação financeira

Sabemos que momento difíceis como os citados podem acabar afetando a vida pessoal de um profissional. 

Contudo, é preciso encarar este período como oportunidade de novos aprendizados e dar a volta por cima. 

Confira a seguir como a reestruturação financeira pode ajudar a planejar as fianças de sua empresa em momentos difíceis.

 

Como superar momentos de instabilidade financeira?

O primeiro passo será entender que é possível superar momentos de instabilidade financeira. 

O segundo passo será identificar quais são os problemas que estão fazendo com que a empresa esteja financeiramente em perigo, podendo até restringir suas operações comerciais. 

Desse modo, para que consiga identificar as possíveis ameaças de seu empreendimento, é fundamental que faça uso da análise de SWOT

Por meio dessa importante ferramenta, é possível compreender quais são os pontos fortes e fracos que podem estar afetando o desenvolvimento de seu negócio.

Diante disso, a seguir iremos apresentar as principais dificuldades que um empreendedor poderá encontrar:

  • Gestão de estoque;
  • Gestão de estoque;
  • Gerenciamento de equipes;
  • Implantação de trabalho remoto;
  • Geração de receita.

 

Por que realizar uma reestruturação financeira?

Por meio do processo de reestruturação financeira, é possível restabelecer toda a estrutura de capital de um negócio, permitido obter um maior controle financeira e contábil. 

Dessa maneira, é possível assegurar uma maior sustentabilidade para empresas de pequeno e médio porte. 

Ou seja, essa potente ferramenta é capaz de transforma toda a estrutura de uma empresa de forma profunda. 

Mas afinal essa estratégia é realmente necessária? Sem dúvida alguma a resposta é sim.

Afinal de contas, ela assegura o cumprimento de todas as obrigações financeiras, fiscais e contábeis de uma empresa.

Desse modo, as dificuldades apresentadas durante a realização de análise podem ser superadas de forma estratégica, permitido que o empreendimento volte a apresentar lucratividade.

 

Como deve ser feito a reestruturação de uma empresa?

O sonho de qualquer empreendedor é ver sua empresa se desenvolvendo no mercado de forma segura e estruturada. 

Logo, a reestruturação financeira consiste no processo de entender o que vem sendo feito errado e modificá-los de forma que todos o cenário de dificuldades possa ser superado. 

Diante disso, o principal objetivo de implementar o processo de reestruturação é agregar valor ao seu negócio. 

Confira agora nosso passo a passo de como deve ser feito a r

eestruturação financeira de sua empresa:

  • Faça o diagnóstico da situação atual;
  • Analise o fluxo de caixa;
  • Faça projeções financeiras;
  • Avalie quais são riscos de falência;
  • Analise os riscos de viabilidade do negócio;
  • Realize a gestão de caixa periodicamente;
  • Promova uma redução de custos. 

Aproveite para ler: Sua empresa está dando lucro ou prejuízo? Saiba como identificar.

 

Quais os principais tipos de restruturação financeira?

Como foi possível perceber, a reestruturação financeira é um elemento fundamental para que um empreendimento possa superar momentos de dificuldades. 

Desse modo, são os principais tipos de restruturação financeira:

 

Reestruturação de equipes

A reestruturação também pode ser aplicada na estrutura do seu time de colaboradores, promovendo assim uma nova organização nos setores;

Dessa forma, é possível redistribuir cargos, funções e obrigações de acordo com o perfil profissional, habilidades, experiências de cada funcionário. 

 

Reestruturação de estoque e logística

A melhor opção para quem precisar fazer a reestruturação de sua gestão de estoque é analisar quais produtos possuem uma maior procura.

Desse modo, é possível fazer um projeção de quantidade necessária deste produto, durante determinado período. 

Dessa forma, conseguirá atender toda a sua demanda sem perder vendas por falta de produto em seu estoque. 

O contrário também deve ser feito, identificando todos os produtos que apresentam capital de giro parado, criando uma logística de pedidos em uma quantidade menor desses produtos.  

 

Reestruturação da estratégia de vendas

Também poderá ser aplicado um processo de reestruturação da estratégia de vendas, de modo que possa otimizar todo o seu processo comercial, adequando as suas estratégias mercadorias as suas novas demandas e necessidades. 

Desse modo, também deverão ser inseridos em seu processo a análise e acompanhamento de resultados, metas de vendas e adoção de políticas comerciais. 

A título de concluir, após absorver todas essas informações, o leitor, já sabe o que deve fazer para que sua empresa possa sobreviver durante os períodos de instabilidade.

A reestruturação financeira pode ser um processo complicado, no entanto se faz,  necessário.

Acesse nosso blog  e fique por dentro de todas as nossas novidades e novos conteúdos.