07 nov 2019

Finanças Pessoais x Finanças da Empresa: Como fazer uma correta separação?

financas-pessoais-x-financas-da-empresa

Um erro muito comum, cometidos pelos pequenos empresários, é acabar misturando as suas finanças pessoais com as finanças de sua empresa. E isso pode acabar prejudicando o crescimento saudável do empreendimento.

Por meio de uma gestão financeira eficiente e organizada, é possível estimular uma margem de lucro correta, além de identificar e eliminar os gastos financeiros desnecessários.

Diante disso, preparamos para você algumas dicas que vão te a ajudar a fazer um controle adequado de suas finanças pessoais e empresariais. Vamos lá!

Prepare um diagnóstico financeiro

O primeiro passo a ser tomado será entender qual a atual situação financeira de sua empresa. Neste momento, conte com a ajuda de uma contabilidade  especializada. Ela irá apurar o lucro real da empresa, os seus custos fixos e variáveis e identificar possíveis gargalos que poderão ser corrigidos.

Por meio deste diagnóstico, será possível entender quais os pontos geradores de receitas e quais são as suas principais despesas, possibilitando, assim, analisar quais pontos precisam ser modificados para que a saúde financeira do empreendimento não seja comprometida.

Tenha contas bancárias separadas

Geralmente, os empreendedores de micro e pequenas empresas, acabam realizando a administração financeira de seus negócios e sua vida pessoal, por meio de uma única conta bancária.

Contudo, ele pode acabar perdendo o controle financeiro  e, caso isso aconteça, a correta identificação da lucratividade da empresa e os custos se tornam quase impossíveis.

Listamos para você, os principais benefícios de possuir contas bancárias separadas. Veja a seguir:

  • Maior facilidade para identificar lançamentos (receitas e despesas);
  • Evitar que gastos pessoais comprometam a lucratividade e crescimento da empresa;
  • Diminuir o risco de pagamentos referente as despesas e custos da empresa atrase por falta de receita;
  • Facilitar a comprovação de renda para a receita federal.

Faça um controle financeiro eficiente

Em busca de otimizar o controle financeiro de forma eficiente, crie estratégias que auxiliem na identificação dos processo internos de sua empresa. Assim, sendo possível, reconhecer o atual cenário de sua empresa, se ela está sendo lucrativa ou não.

Por meio dos softwares de gestão financeira é possível o registro e cruzamento de dados bem como a análise de relatórios detalhados. Auxiliando assim no controle do seu fluxo de caixa de forma eficiente, controle das entradas e saídas, retorno do investimento, capital de giro, etc. Além disso, por meio do controle financeiro é possível planejar estratégias a serem cumpridas a curto, medio e longo prazo, que nortearão setor financeiro de sua empresa. Em busca de, assim, conseguir aumentar o  seu faturamento mensal.

Determine um Pró-labore

Muitas das vezes, por desconhecerem a real situação de lucratividade de suas empresas, pequenos empreendedores acabam misturando suas despesas pessoais com as despesas de suas empresa, fazendo, diariamente, retiradas de seu caixa para cobriar suas despesas como combustível, viagens e outras despesas familiares. E essa falta de controle pode acabar prejudicando o capital de giro de sua empresa. 

O cenário ideal seria estipular um pró-labore. Em resumo, pró-labore é uma espécie de um salário do empresário, que deve ser articulado de maneira justa e compatível com o financeiro de sua empresa.

Cuide da gestão financeira pessoal

A gestão financeira de uma empresa é uma tarefa obrigatória para qualquer empreendedor, independente de sua empresa ser de pequeno ou médio porte. Isso acontece pelo fato que contribui para que ela possa crescer de forma saudável no mercado.

Contudo, a gestão financeira pessoal também precisa ser realizada de forma constante.  Um empreendedor,  que possui todas as suas finanças em dia, não precisará recorrer ao dinheiro do caixa da empresa para cobrir suas  despesas pessoais.

Portanto, uma boa gestão financeira pessoal reflete diretamente na gestão de seu negócio.

Prepare uma reserva mensal

Devido as constantes variações do mercado e suas instabilidades financeiras, nunca se sabe quais os impactos negativos este cenário pode exercer em uma empresa e quando isso poderá acontecer.

Por este motivo, se torna fundamental preparar uma reserva mensal para a sua empresa, para garantir a sobrevivência da empresa nos momentos de instabilidades e cobrindo eventuais prejuízos.

Isto também vale para as contas pessoais. Fazendo isso, você também irá garantir, a estabilidade financeira pessoal enquanto os rendimentos de sua empresa estiverem baixos e contribuindo sua estabilidade, sem comprometer os pagamentos de suas despesas pessoais até que seu empreendimento se recupere e volte a dar lucro.

Portanto, podemos concluir que fazer uma correta separação das despesas pessoais e despesas profissionais irá contribuir diretamente para  gestão financeira forma correta e assertiva, garantindo assim o crescimento saudável de sua empresa.

Conte para a gente, nos comentários, como você faz para separar as suas despesas pessoais das despesa de sua empresa.

Acesse nosso blog  e leia também: “Cuidados para fechar uma empresa”. Aproveite e siga a gente em nossas redes sociais, tem sempre um conteúdo novo sendo postado por lá.