20 jan 2020

Elementos de um plano de negócios

elementos-essenciais-de-um-plano-de-negócios

Em média, 60% das empresas fecham suas portas depois de cinco anos em atividade, de acordo com pesquisas do IBGE. Isso é o resultado do empreendedor não realizar um bom plano de negócios.

Desta forma, é recomendado a todos os futuros gestores que inicie a elaboração do seu plano de negócio. Elaboramos um texto para que você entenda melhor o conceito de plano de negócio e os elementos essenciais de um plano de negócios. Vamos lá!

O que é um plano de negócios?

O plano de negócios é constituído por um documento que tem a função de estruturar toda a empresa e todas as características pertencentes a ela. Assim, é possível ter uma ampla visão do setor que seu negócio está incluso, podendo tomar todas as decisões necessárias com um objetivo já traçado.

O plano de negócios também é um documento que é usado para apresentar aos possíveis investidores, já que oferece uma base consolidada e auxilia a construção da segurança para o futuro empresarial.

Agora, vamos abordar os elementos essenciais de um plano de negócios. Confira!

Os elementos do plano de negócios

Inicie com o Resumo Executivo

O resumo executivo necessita estar no início do documento, pois tem o fim de relatar seus objetivos como empreendedor, sendo um elemento muito importante. É neste momento do plano de negócios que você chamará a devida atenção para o restante do documento, então ele deve ser bem apresentado.

Elabore uma descrição do negócio

A descrição do negócio normalmente é iniciada com uma apresentação do setor em que a empresa está inserida, descrevendo com mais detalhes as características principais da organização.

São eles:

  • Enquadramento jurídico e tributário;
  • Missão, visão e valores;
  • Dados operacionais;
  • Logística;
  • Capacidade de produção;
  • Histórico financeiro;
  • Faturamento bruto e líquido atual;
  • Descrição da equipe ou organograma;
  • Desenvolvimento ao longo do tempo;
  • Despesas fixas e variáveis;
  • Investimento em capital fixo;
  • Investimento em capital de giro;
  • Relação de fornecedores;
  • Estimativa de faturamento.

Caso seja interessante aos gestores, é possível também inserir informações de acordo com funcionamento e outros dados nessa parte do plano de negócios.

Realize uma análise de mercado

A análise de mercado deve ser feita de maneira bem cuidadosa sobre a situação da área em que a empresa se situa e consegue que o gestor conheça todos os aspectos do mercado a fim de estabelecer um alvo e fazer com que a empresa tenha mais vendas.

Ao realizar a pesquisa, é bom procurar dados sobre:

  • O desenvolvimento desse ramo de atividades no país;
  • Expansão ou saturação do mercado;
  • Se há demanda suficiente para esse produto ou serviço;
  • Tipo de público-alvo ideal para a empresa.

Descrevendo a empresa, procure discutir a real situação e quais são as futuras possibilidades da empresa. É primordial expor os dados relacionados a vários mercados no setor específico, inserindo os produtos e desenvolvimentos que devem favorecer ou atrapalhar sua empresa.

Faça uma análise competitiva

A análise competitiva, também conhecida como análise de concorrentes tem como metas estabelecer os pontos fortes e fracos da concorrência dentro do setor em que sua empresa se insere, listando executáveis estratégias e barreiras que podem ser elaboradas a fim de diminuir a competição.

Uma maneira de estipular os seus concorrentes indiretos e diretos é elaborar uma lista com características onde precisam ser igualados ou semelhantes, com o intuito de que os outros empreendimentos sejam seus concorrentes, tendo a proximidade em:

A finalidade dessa ação é que quanto mais próxima as outras organizações forem de você, mais direta é a sua concorrência.

Crie a Análise de Contexto

A análise de contexto verifica todos os aspectos importantes para o seu negócio, porém que não tenha relação com o nicho do mercado. Os dados listados são variáveis e o gestor não tem o controle, como, por exemplo, a economia, novas tecnologias que surgem e podem afetar suas vendas, leis específicas, dentre outras.

Estabeleça metas e objetivos

Depois dessas análises e pesquisas, essa etapa deve ser realizada as metas e objetivos atingíveis para o seu empreendimento, em um período estabelecido.

São definidos nessa etapa os objetivos como meta de faturamento, quantidade de vendas desejadas e objetivos de comunicação (como se tornar referência em seu nicho de atuação), e a partir disso, você deverá fazer sua estratégia e alinhar as próximas etapas.

Prepare um plano de desenvolvimento

Essa etapa é importante para apresentar o a descrição do próprio negócio e dos investidores, do processo de produção, da descrição do design do produto e do marketing. Dessa maneira, é possível elaborar um orçamento de desenvolvimento que auxiliará a empresa alcançar suas metas.

Além disso, é necessário propor sua identidade visual, com o fim de facilitar encontrar sua empresa nos canais de comunicação. Essa etapa é importante no plano de negócios para criar e atualizar a sua marca.

Leia também Cuidados ao abrir um novo negócio

 Produza um plano de operações e gerenciamento

O plano de operações e gerenciamentos é realizado para retratar como funciona o seu negócio. O plano de operações retoma características da empresa, como as responsabilidades da gerência, os trabalhos de cada setor e os gastos com o funcionamento, descritos anteriormente na descrição do negócio.

Liste os fatores financeiros

Após todos esses processos para elaborar seu plano de negócio, é necessário listar todo o capital a ser disponibilizado para cada setor descrito. Usar gráficos nessa etapa é indicado para facilitar que o plano de negócios exiba uma visão ampla. Além desse fato, cada valor estabelecido para cumprir um objetivo necessita ter um breve resumo que justifique o capital direcionado.

Faça métricas para o plano de negócios

Com todas as ações estratégicas definidas, é preciso estipular métricas, como meios para verificar se as metas foram atingidas ou não.  Sempre é recomendado ter números para realizar essa medição, porém, caso não seja possível, uma opção é realizar uma pesquisa com o público ou com o setor envolvido.

Com esse processo descrito, você compreende melhor a importância de uma empresa produzir seu plano de negócios. Caso haja qualquer dúvida, conte com a AJCD Contabilidade Digital.

Indicamos a leitura de nosso conteúdo exclusivo para conhecer mais sobre os assuntos relacionados com o setor contábil.