Reforma tributária e impactos em Dropshippings e Infoprodutos

A proposta referente à reforma tributária também recai sobre o mercado de infoprodutos e dropshippings. Leia o nosso artigo e entenda mais sobre!

A proposta referente à reforma tributária também recai sobre o mercado de infoprodutos e dropshippings.

Desta forma, é preciso compreender como a criação da Contribuição sobre Bens e Serviços (CBS), criada na reforma tributária, influencia neste setor.

Isso porque, uma alíquota de 12% será adotada, substituindo as contribuições como PIS e COFINS.

Para entender melhor este assunto, leia nosso artigo e aprenda como a reforma tributária impactará na comercialização de infoprodutos e dropshippings.

Acompanhe conosco e aproveite para tirar todas as suas dúvidas sobre este assunto!

Quais são as novas mudanças?

O primeiro passo que o empreendedor precisará compreender é que, ao contrário da cobrança de uma alíquota no valor de 3,65%, passando para 12%. Em teoria, esta proposta do Governo apresenta uma série de vantagens. 

Uma vez que, a cobrança de uma nova alíquota possibilitará a geração de novos créditos em compras e despesas, por meio da emissão de notas fiscais. 

Sendo assim, é preciso adotar um planejamento de acordo com o faturamento sobre infoprodutos e dropshippings, a fim de obter imunidade tributária, conforme as diretrizes de cada caso.

Aproveite para aprender mais lendo: COMO INICIAR UM NEGÓCIO DIGITAL DE FORMA ESTRUTURADA?

Como obter créditos para sua empresa?

As despesas de uma empresa que atua com a comercialização de infoprodutos e dropshippings, gerados por meio de tráfego como gastos com Google AdSense, deverão estar listadas no planejamento tributário, junto com o volume das demais despesas e os créditos correspondentes.

Sendo assim, todas as empresas enquadradas no regime do Lucro Presumido poderão se beneficiar dos benefícios não cumulativos.

Além disso, também é preciso estar atento à base de cálculo da Contribuição sobre Bens e Serviços (CBS). Uma vez que a apuração do ISS exclui a apuração da CBS. Desta forma, os valores das novas alíquotas serão incluídos no cálculo final de todos os créditos correspondentes às notas fiscais.

Planejamento tributário para empresas digitais

Primeiramente, o empreendedor precisará considerar todos os aspectos do ICMS e a imunidade tributária.

Isso porque será preciso analisar todo o planejamento tributário já feito, alinhando assim as estratégias abordadas.

Tendo como resultado um maior ganho tributário, condicionado as despesas, geradoras de notas fiscais.

Hoje, muitas empresas de infoprodutos e dropshippings apresentam dificuldades em receber notas fiscais de seus afiliados.

Desta forma, o controle fiscal destes negócios sofrerá mudanças devido a criação do CBS.

Além disso, um fator importante é que, muitas vezes, os empreendedores não realizam um controle eficiente sobre o uso da plataforma de afiliados.

Logo, é preciso que sejam criados dois objetivos, sendo um focado na realização das vendas digitais e um segundo sendo a atenção devida do E-commerce. 

Por conta da pandemia, o comportamento dos consumidores vem se alterando, aumentando assim a procura por infoprodutos e dropshippings dentro das plataformas digitais.

Leia também: TRIBUTOS SOBRE O LUCRO: QUAIS SÃO E COMO FUNCIONAM

Principais razões de mudanças

O Governo possui dificuldades em monitorar as motivações que acontecem dentro das plataformas digitais. Sendo assim, todos os valores transacionados podem garantir o devido recolhimento de impostos.

Desta forma, com a criação da CBS, se torna possível trabalhar um planejamento tributário direcionado para as empresas enquadradas no Lucro Presumido. Já as empresas do Simples Nacional estão fora desta nova medida. 

Outro ponto importante está relacionado à questão das plataformas digitais. Isso porque é preciso monitorar toda a emissão de documentos fiscais e também das transações realizadas entre pessoas físicas.

Portanto, caso as medidas da reforma sejam aprovadas, o empreendedor que atua no mercado digital precisará ter uma atenção maior na emissão de notas fiscais. 

Lembrando que poderá notar um eventual aumento na tributação de suas operações, podendo trazer um transtorno significativo. Desta forma, contar com apoio de um profissional especializado é de fundamental importância. 

Esperamos que o leitor tenha gostado deste conteúdo. Precisa de ajuda com o pagamento de imposto de sua empresaEntre em contato agora mesmo com um de nossos especialistas e tire todas as suas dúvidas!

Confira nossas redes sociais e nosso blog e aprenda com dicas como: Prestação de serviços: como empreender nesse segmento?

Reforma tributária e impactos em Dropshippings e Infoprodutos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo